29 de julho de 2015

[Resenha] Extraordinário- R.J Palacio

Título:Extraordinário
Título Original:Wonder
Lançamento:2013
Autor (a): R.J Palacio
Editora: Intrínseca
Páginas: 320
Onde Comprar: Leitura,Saraiva,Cultura

Classificação:



August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.

O August é um garotinho normal de 10 anos com uma maturidade incrível, mas que quer  ser normal que nem os outros meninos de sua idade, mas por quê não pode ser? Não é que ele não possa ser, ele é, só não acha isso. Auggie nasceu com uma síndrome com um nome bem estranho que deformou totalmente o seu rosto, fez várias cirurgias mas os médicos falam que essa é uma síndrome rara e não tem cura.

"A única razão de eu não ser comum é que ninguém além de mim me enxerga dessa forma."

Passou toda a sua vida estudando em casa e chegou um ano que os pais decidiram levar ele para conhecer uma escola A Beecher Prep,começou a estudar lá e todo mundo não falava com ele, por causa de seu rosto, sofreu bullying , foi chamado de Freddy Krueger,Et, rato e de todas as formas possíveis que se pode imaginar

"Não precisamos dos olhos para amar, certo? Apenas sentimos dentro de nós."

Eu sinceramente pensei que não iria gostar desse livro, havia muita gente que falava super bem então decidi ler, no começo foi bem chatinho e não me prendeu muito mas depois, gentê não consegui desgrudar do livro até terminar. Com certeza esse foi um dos livros que me surpreendeu bastante, e é isso. É simplesmente muito bom e super recomendo.

21 de julho de 2015

[Resenha] Eleanor & Park- Rainbow Rowell

Eleanor & Park é engraçado, triste, sarcástico, sincero e, acima de tudo, geek. Os personagens que dão título ao livro são dois jovens vizinhos de dezesseis anos. Park, descendente de coreanos e apaixonado por música e quadrinhos, não chega exatamente a ser popular, mas consegue não ser incomodado pelos colegas de escola. Eleanor, ruiva, sempre vestida com roupas estranhas e “grande” (ela pensa em si própria como gorda), é a filha mais velha de uma problemática família. Os dois se encontram no ônibus escolar todos os dias. Apesar de uma certa relutância no início, começam a conversar, enquanto dividem os quadrinhos de X-Men e Watchmen. E nem a tiração de sarro dos amigos e a desaprovação da família impede que Eleanor e Park se apaixonem, ao som de The Cure e Smiths. Esta é uma história sobre o primeiro amor, sobre como ele é invariavelmente intenso e quase sempre fadado a quebrar corações. Um amor que faz você se sentir desesperado e esperançoso ao mesmo tempo. 


A narrativa se passa no ano de 1986, o que nos faz viajar e ter excelentes referências musicais como The Smiths, The Beatles, Alphaville, Sex pistols, AC/DC, entre outros. A garota conheceu o Park quando entrou no ônibus escolar, foi bem estranho o momento, ela foi criticada e chamou vários olhares ao entrar, como não tinha lugar para se sentar durante o caminho, ela ficou procurando alguém que não tivesse ´´par`` no banco, e esse alguém era nada mais nada menos que o Park.

Tive muita pena da Eleanor durante o livro mas cara, ela se vestia que nem louca, tipo isso, tinha os cabelos que pareciam arder em chamas ao nascer do sol, mas Park se apaixonou por ela, ela nunca sonharia que iria se apaixonar por um mestiço idiota
 
Todo dia Park lia revistas em quadrinhos e Eleanor acompanhava a leitura pelo canto dos olhos, quando percebeu, ele demorava mais um pouco ao passar a página. Eles não se comunicavam. Chegou um dia em que o Park levou alguns de seus gibis e colocou no banco da Eleanor antes que ela chegasse, a partir da aí foi surgindo um assunto.

Porque Park era o Sol, e essa era a única explicação que Eleanor poderia dar

Achei MUUUUITO fofo, mas teve umas partes da narrativa de Eleanor que com certeza me tirou do sério, o padrasto dela, o Richie, é um saco com todas as forças da humanidade, só faltava eu tirar ele do livro pra socar a cara dele, sério!

“- Porque você gosta de mim?
- Não gosto de você - ele disse- Eu preciso de você

Apesar dos vários problemas que a Eleanor passou durante o percurso, o Park sempre estava lá para ajudá-la quando precisava, com certeza ele era um fofo, sem condições..

Recomendo tipo BASTAAANTE, eu amei muuuito esse livro, pena que o final foi tipo, - PRECISO DE CONTINUAÇÃO NOW!. Boatos de que esse livro maravilhosamente fofo vai virar filme, e o roteiro vai ser feito pela Rainbow Rowell . Tipo aikemaravilha.

E estou pensando em fazer uma pequena Playlist desse livro, o que vocês acham? 
 
                                                                                                                                                 Beijooos!

12 de julho de 2015

[Resenha] A extraordinária garota chamada estrela- Jerry Spinelli

A garota chamada Estrela. Ela é tão mágica quanto o céu do deserto. É tão estranha quanto seu rato de estimação. É tão misteriosa quanto seu próprio nome. Com um simples sorriso, ela cativa totalmente o coração de Leo Borlock. Com sua alegria, ela incendeia uma revolução por liberdade e autenticidade no espírito de sua escola. 
No começo, os colegas encantam-se com ela por tudo o que a faz ser diferente. Mas isso começa a mudar, e Leo, apaixonado e apreensivo, percebe que a única coisa que pode salvá-la das críticas é a mesma que pode destruí-la: ser alguém comum. 
Nesta celebração do inconformismo, o premiado Jerry Spinelli tece um conto tenso e comovente sobre os percalços da necessidade de ser popular e da emoção e inspiração do primeiro amor.


Estrela foi educada em casa e só agora tem a oportunidade de conhecer pessoas novas que por alí circulam, e é  nesse momento que a escola começa a fofocar --principalmente os garotos-- sobre a garota nova, suas primeiras impressões foram que ela é linda e num sei o que, meio que todo mundo morria de amores por ela. Estrela realmente parecia brilhar e deixar o dia de cada um melhor. Por ser meio ´´bizarra`` pelo seu modo de se vestir, suas características e o que ela fazia, passou a sofrer bullying  e a ser desprezada pelos seus novos colegas.

 "Nós queríamos defini-la,etiquetá-la como fazíamos uns com os outros,mas não conseguíamos ir além de "esquisita" ,"estranha", "patética".O jeito dela nos tirava do eixo."

Por causa de sua atitude impensada durante um jogo da escola, os alunos começaram a ignorá-la, achavam muito esquisito o que ela fazia (até eu achei) mas isso despertou um pouco a minha curiosidade. Tudo nela era positivo, fazia surpresa para seus colegas, e fez com que Leo se apaixonasse por ela. 

"Porque ela era diferente.Diferente.Não tínhamos ninguém com quem compará-la,ninguém para colocá-la lado a lado"

Para ser sincera não gostei muito do livro no começo, tipo, ele não é aquele livro que você fica *ai meu deuso, o que vai acontecer?* Do tipo ansiosa e tal mas quando cheguei quase no finalzinho fiquei nesse jeito, porque dá curiosidade de como a Estrela sabia de todas aquelas coisas e o que a fazia ser assim, ela tinha seu próprio jeito de ser, ela podia ser estranha, esquisita, bizarra, para os outros mas se você prestar bem atenção vai ver que o  livro traz uma mensagem bem significante. Gostei bastante por isso, porque Pessoas estrelas são únicas.


Pessoas-estrelas são raras, é pouco provável que você conheca outra

OBS: Esse livro tem continuação e é o Com amor A garota chamada estrela.

                                                                 
                                                                                                                        Beijoos
                                               
               

5 de julho de 2015

Como usar o Popcorn Time

Oi gente, tudo bom com vocês?

Então, provavelmente muitos de vocês gostam de assistir séries filmes e outros, hoje vou falar de um aplicativo que me ajudou MUUUUITO em relação as séries, o meu caso era que eu tinha que ver série pelo computador nuns sites mas maioria tinha aquelas propagandas chatinhas e ficava abrindo novas abas, era uó mas dai minha professora do curso mencionou sobre esse Popcorn que salva vidas, cês não tem noção.

Funciona assim, você vai no site que é este: https://popcorntime.io/ e clica em Transferir Beta 3.7  (caso for baixar no computador) dai vai ter as instruções quando for executar e você vai ver suas séries, filmes, o que for, tranquilo. Mas tem um único problema se é que isso é um problema tudo é legendado. Mas não é ruim quanto vocês pensam. (bem, eu prefiro legendado mas okay)


Página Ínicial no Computador:



E para baixar no celular também é bem simples, Primeiro tem que ir nas configurações do celular ir em Segurança--> Fontes desconhecidas, e só, é só habilitar as fontes desconhecidas, para que você possa baixar qualquer coisa na Internet, porque sempre baixamos pela Play Store.

Depois, cê entra no site do Popcorn e vai lá em baixo que vai aparecer o seguinte:
Você clica no Transferir Beta 2.2  e simples, sua vida está feita haha.

Vai aparecer as instruções e tudo direitinho quando for baixar e vai aparecer o ícone do Popcorn na Página Ínicial do celular.

Página Ínicial no celular:


Então gente, foi isso, qualquer dúvida comentem aqui em baixo.

                                                                                                                               
                                                                                                                                Beijooos
 renata massa